Direitos Autorais

Não reproduza textos, fotos e vídeos deste blog sem autorização da autora.
Mesmo com autorização, se utilizar algum conteúdo, mencione a fonte
e a autoria. Lei 9.610/98.

Translate

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Reflexões sobre Angra e Santos,
sobre usina nuclear e Ernesto Zwarg

Foto: Reprodução do Blog do Gabeira

O deslizamento na Praia do Bananal, em Ilha Grande, região de Angra dos Reis, ocorreu por causas naturais. No pico da Serra do Mar, naquele local que veio abaixo na madrugada do dia 1º, não havia interferência humana. A serra é muito íngreme e houve infiltração de água da chuva ininterrupta e torrencial. Por isso, aquelas casas e pousadas não deveriam estar ali, sob ameaça constante da fúria da natureza contra as agressões humanas.
Esse fato me faz pensar em um ponto (entre tantos outros) que corre riscos aqui em Santos. Pelo menos, sob meu olhar leigo. Trata-se do sopé do Monte Serrat, onde estão erguendo a nova sede da Câmara Municipal.
Por orientação do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), foram feitas intervenções nas rochas que ameaçavam a nova edificação. Mesmo assim, se eu fosse vereador ou funcionário do Legislativo, não ficaria tranquila em ter atrás de mim aquele monte de terra, de árvores e rochas. E eu sou leiga no assunto. Se fosse geóloga então... Acho que eu pediria exoneração do cargo.
A tragédia de Angra também me faz refletir em como fomos agraciados pela sorte ao ter tido como morador da Baixada Santista um visionário chamado Ernesto Zwarg. Esse paulistano descendente de alemães, que morreu em agosto de 2009, dedicou sua vida à defesa do meio ambiente.
A principal bandeira de sua luta era a preservação da Jureia. Foi Zwarg que denunciou, em plena ditadura militar, a intenção do governo federal de instalar uma usina nuclear nessa região. Ele reuniu autoridades brasileiras e internacionais em um fórum ecológico que fez o governo recuar. Mas Angra não teve um Zwarg e recebeu esse presente de grego. Com a interdição da BR 101, foi desativada a principal rota de fuga em caso de acidente nuclear em Angra dos Reis. Com tantos deslizamentos, as usinas estão em risco. E o povo também.

Leia mais sobre o assunto em Zwarg ; Blog do Gabeira; Blog Nove Cidades;

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...